Na hora de montar ou reformar um escritório, é comum que o orçamento acabe ficando além do esperado e seja necessário economizar. Por isso, algumas pessoas acabam recorrendo a leilões para contornar esse problema. O que muitos não sabem é que móveis de escritório usados em leilão, além de serem mais baratos, têm a qualidade tão boa quanto aqueles que compramos em lojas.

Saber escolher corretamente os móveis para escritório é fundamental para a decoração e para a ergonomia dos trabalhadores. Sendo assim, de nada adianta economizar na hora de fazer a compra e acabar adquirindo o móvel errado.

Para lhe auxiliar nessa tarefa, separamos um super post ensinando a maneira correta de escolher os móveis de escritório e quais são os essenciais. Continue a leitura e acompanhe as nossas dicas!

Como escolher os móveis de escritório corretamente?

Na hora de definir os móveis para escritório, além da decoração da empresa, a identidade visual da marca, os valores que o negócio possui e também qual o tipo de trabalho que será realizado naquele espaço são informações que devem ser consideradas.

além da decoração, a identidade da marca também deve ser considerada na hora de escolher os móveis
além da decoração, a identidade da marca também deve ser considerada na hora de escolher os móveis

Justamente por isso, a tarefa de escolher o mobiliário correto nem sempre é fácil. Escolhas erradas também podem gerar problemas que vão desde má postura dos funcionários e problemas na coluna até um ambiente que não se assemelha em nada ao que a empresa deseja transmitir ao cliente.

Antes de sair comprando qualquer móvel, tenha em mente algumas questões importantes que lhe ajudarão a manter o projeto alinhado com seu negócio e com o tipo de serviço que se realizará naquele espaço.

Espaço e trabalho realizado

Móveis de escritório de contabilidade normalmente não são os mesmos usados em uma agência de publicidade. Embora os trabalhos sejam semelhantes, já que quase todos os escritórios demandam que seus funcionários fiquem sentados em uma mesa, a atmosfera do local é diferente. Além disso, certas atividades podem acabar exigindo especificações únicas.

Dessa forma, sempre considere o espaço que será decorado de acordo com as atividades que seus funcionários realizam. Isso fará com que seja mais fácil definir quantas bancadas e estações de trabalho devem ser colocadas no ambiente, se existe necessidade de cadeiras com rodinhas e se há um espaço separado exclusivamente para reuniões.

Levante todos os dados importantes para definir quantidade, modelo e disposição de mobiliário que você precisa comprar.

A identidade do seu negócio

Outro fator importante é a identidade da sua empresa. Esse é um aspecto que deve fazer parte da decoração e do ambiente de trabalho. Pense em quais valores sua marca transmite para o público e tente passar essa imagem por meio dos móveis de escritório.

Por exemplo: sua empresa é criativa, ou mais sólida e tradicional? Coloque-se em um cenário em que a agência trabalha com tecnologia e os móveis são todos tradicionais e até mesmo antiquados. Qual a impressão do cliente ao entrar na empresa?

É essencial que essa ligação seja feita e que os valores da sua marca combinem com a identidade visual da mesma. Com isso, abuse das cores do logotipo nas paredes e nos detalhes do ambiente. Você também pode inserir essa ideia  nos móveis quando for possível.

Quantidade de pessoas trabalhando no local

Quantos funcionários existem na empresa e quantos vão trabalhar nesse ambiente? Essa informação é bastante importante para definir como decorar o escritório de uma forma agradável e que atenda às necessidades de todos os envolvidos.

Lembre-se: além de bonito, o escritório também deve ser aconchegante e fornecer a ergonomia aos funcionários, evitando acidentes, lesões repetitivas e até mesmo afastamento.

Pense na quantidade de móveis adequada, na quantidade e posição das luzes, nas opções de regulagem de altura e nos itens de conforto e de ergonomia como: descanso para os pés e apoio para os braços.

Além do mais, você irá agradar ainda mais os seus funcionários se agregar um pouco mais de conforto e disponibilizar um espaço para relaxar, descansar nas horas de folga ou almoço ou para que eles possam ler, por exemplo. Detalhes como esses são essenciais para que seus empregados se sintam ainda mais motivados para exercer suas funções e produzirem mais e de uma forma ainda melhor.

O seu orçamento

Tenha sempre em mente a quantidade que você poderá investir na compra dos móveis de escritório antes de começar suas buscas. Afinal, você pode ter um projeto incrível de decoração, mas o seu orçamento pode não caber dentro dele.

Como mencionado antes, alguns itens de leilão valem bastante a pena nesses casos, e você pode acabar encontrando móveis mais interessantes do que aqueles que você tinha em mente.

Quais os principais móveis para escritório?

Mesa ou bancada de trabalho

Nesse tópico, o ideal é que você defina a melhor maneira que atenda as demandas do seu negócio. Algumas empresas usam mesas separadas para cada um dos seus funcionários. Porém, as estações de trabalho com diversas bancadas compartilhadas também é algo que vem ganhando força, principalmente nos ambientes menos rígidos e mais modernos.

Independente de qual das duas opções você escolher, o ideal é que ambas tenham em torno de 75 centímetros de altura. Essa medida permite uma posição confortável para quem for usar um computador ou notebook no espaço.

O modelo varia conforme as necessidades dos seus profissionais: as mesas em L são melhores para a execução de tarefas diferentes ao mesmo tempo. Enquanto isso, as redondas ou mais extensas são mais usadas para reuniões.

as mesas compridas normalmente são usadas para reuniões
as mesas compridas normalmente são usadas para reuniões

Cadeiras de escritório

Existem vários modelos de cadeiras de escritório no mercado, e cada uma tem funções e utilidades diversas. Sabendo disso, defina o uso da mesma. A cadeira é aquela com assento e encosto de tamanhos padrões, e podem ser fixas ou rotatórias. Além disso, elas também podem vir com braços, mas não é uma regra.

Já as poltronas são aquelas que, embora tenha as mesmas características da cadeira, são maiores e costumam ser utilizadas para diretores e gerentes. Ambas precisam ter uma altura ajustável entre 37 e 50 centímetros do piso, permitindo que as panturrilhas fiquem a 2 ou 3 centímetros do início da cadeira e as coxas fiquem paralelas ao chão.

As bordas devem ter formado arredondado a fim de favorecer a distribuição do peso corporal. Por fim, o apoio deve ter 40 centímetros de largura, no mínimo.

O apoio para os braços também precisa ser ajustável, tanto na altura como na largura. Afinal, ele é necessário para trabalhos no computador, em que permite que o funcionário apoie seu braço de tempos em tempos para descansar. Outro benefício dos braços é que ele permite uma posição adequada para digitar e utilizar o mouse.

Para postos de trabalhos, indica-se os modelos de cadeiras com cinco pés e rodízio com estabilidade para evitar quedas. O revestimento deve ser estofado para impedir o contato com a pele.  A base estofada deve ser confeccionada em material de densidade entre 40 e 50 kg/m³, largura mínima de 40 centímetros e profundidade útil de 37 a 46 centímetros. Tudo isso de acordo com a NR17.

Estantes e armários

Principalmente para escritórios que trabalham com um volume alto de papéis e documentos, esse móvel é indispensável. Os modelos, porém, dependem do espaço disponível no ambiente. Para escritórios menores, o ideal é que os armários sejam presos ao teto ou paredes. Isso evita que eles ocupem mais espaço. Lembre-se de que a organização é essencial, principalmente em ambientes pequenos.

escolha o armário do seu escritório tendo em mente o tamanho do ambiente e decoração
escolha o armário do seu escritório tendo em mente o tamanho do ambiente e decoração

Como escolher móveis de escritório para compartilhar?

Existem alguns escritórios que dispõem de vários profissionais diferentes que trabalham ao mesmo tempo. Nesses casos, escolher os móveis deve ser uma tarefa mais cautelosa. Afinal, você precisará estar atento a mais detalhes.

Atenda a diferentes demandas

Quando nem todos os funcionários do escritório atuam em uma mesma área, o móvel escolhido deve ser funcional para todos. Com isso, é importante saber as necessidades dos seus profissionais de antemão. Além do mais, pode ser importante uma mesa de reuniões no ambiente caso não exista um espaço definido no seu escritório para essa finalidade. Assim, os profissionais poderão se reunir entre si para discutir algumas pendências sempre que necessário.

Tente ser neutro

Mesmo que eles atuem em diferentes setores, a decoração precisa conversar entre si. Muitas cores destoantes ou excesso de tonalidades devem ser evitados para não poluir o ambiente visualmente.

opte por cores neutras sempre que tiver de escolher um móvel compartilhado
opte por cores neutras sempre que tiver de escolher um móvel compartilhado

As cores neutras costumam ser as mais indicadas para locais onde há várias pessoas trabalhando ao mesmo tempo. Assim, os profissionais não cansam a vista. Isso não significa, porém, que você não deve investir na identidade da marca. Quando der preferência a moveis neutros, invista nas cores das paredes.

Aposte em uma área de convivência

Na hora de dar início ao seu projeto do escritório, não se esqueça de incluir uma área de convivência para que os profissionais possam conversar uns com os outros. Esse espaço não demanda muitos metros e pode até mesmo ser a área do cafezinho. O mais importante é que seja aconchegante e permita que os seus funcionários interajam na hora do descanso.

Comprar móveis de escritório usados em leilão vale a pena?

A resposta é: depende. Primeiro, você precisa escolher um leilão de confiança. Para isso, pesquise a respeito do leilão e o que as pessoas que participaram têm a dizer. Se o leilão for online, repare se o site possui um selo de segurança do Google, posicionado lado do endereço como um cadeado fechado.

Confira nossas dicas para ter sucesso no leilão online!

Caso o site seja seguro e o leilão, confiável, aí sim podemos dizer que vale a pena investir nesses móveis. Isso porque, normalmente, os móveis disponíveis para serem leiloados acabam saindo em um preço muito mais baixo do que os que você encontra nas lojas.

Mesmo que você dê um lance de valor considerável e outra pessoa tente arrematar por um valor maior, quando comparamos os preços é possível ver que os móveis de lojas têm o preço muito mais alto. Além disso, a qualidade que eles apresentam não deixam a desejar.

Fique atento aos anúncios e leia com cautela todas as informações dos móveis desejados. Por exemplo: dimensões, possíveis defeitos e a qualidade que o mesmo apresenta. Acontece de pessoas reclamarem de comprar em leilões por não se atentarem às informações do produto antes de dar o primeiro lance.

Agora que você aprendeu mais sobre como escolher os móveis de escritório e quais as vantagens de adquiri-los em um leilão, pense sobre o assunto e pesquise os preços para comparar e verificar se vale a pena no seu caso. Alguns móveis leiloados podem ser muito vantajosos pelo seu preço.

Procurando móveis para comprar em leilão? Dê uma olhada no departamento de móveis e veja se algum deles se encaixa no perfil que você está procurando!

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça seu comentário
Por favor entre com seu nome aqui