O Brasil está em alta quando o assunto é vinho. E um dos destaques do país é seu enoturismo. Muitas pessoas buscam lugares onde a bebida é produzida para visitar, o que dá início ao turismo local, com alguns circuitos se preparando para receber turistas com bons vinhos, comidas e hotéis aconchegantes, como no Vale dos Vinhedos.

O Vale dos Vinhedos é um lugar agradável cheio de vinícolas e passeios relacionados à enologia.

Localizado na serra gaúcha, é um dos principais pontos de plantação e produção de uvas e vinhos do Brasil. Um lugar bonito, agradável e que atende aos mais distintos públicos que querem passear pelo país.

Características e história do Vale dos Vinhedos

O Rio Grande do Sul é marcado pela colonização europeia, principalmente a alemã. Mas, o Vale dos Vinhedos a colonização é italiana, portanto, prepare-se para ver cantinas, casas de massas e uma culinária italiana forte nos restaurantes locais, diferente de cidades como Gramado e Canela, onde a cultura germânica é predominante.

A maior cidade do vale é Bento Gonçalves. Toda a região é cercada de vinícolas e restaurantes voltados para a atividade turística da região. Mais dois municípios fazem parte do vale: Garibaldi e Monte Belo do Sul.

As paisagens também fazem parte do passeio, onde é possível tirar belíssimas fotos e guardar boas recordações para o resto da vida.

Mapa turístico do Vale dos Vinhedos mostra seus caminhos mais comuns
Mapa turístico do Vale dos Vinhedos mostra seus caminhos mais comuns

Certificado de origem

Documento famoso no mundo dos vinhos e espumantes, o certificado de origem garante a qualidade de um produto por meio de sua localização geográfica e condições de plantio, colheita, temperatura, relevo e todo o processo de produção que envolve a fabricação de um bom vinho.

E o Vale dos Vinhedos foi o primeiro local no país a receber este certificado, que garante a qualidade e procedência de seus vinhos, o que agrega valor aos produtos e também ao local como um todo.

Caminhos até o Vale dos Vinhedos

Duas cidades próximas a Bento Gonçalves são Gramado e Porto Alegre. A capital gaúcha fica a 122km do vale, enquanto Gramado, fica a 120km.

Portanto, partindo de qualquer uma destas duas cidades, o tempo que você levará será em torno de duas horas. Caxias do Sul também fica próxima a Bento Gonçalves, com 45km de distância entre as duas cidades.

Estrada do vinho

Conhecida como estrada do vinho, a RS 444 é a principal rodovia do vale. Nela estão muitas vinícolas e hotéis.

Se busca referências sobre o Vale dos Vinhedos e onde se hospedar, a estrada 444 serve muito bem como ponto de início desta empreitada.

Vinícolas do Vale dos Vinhedos

Com muitas vinícolas pelo vale, muitas vezes será necessário você escolher por onde passar, traçando uma rota para cada dia de passeio. Portanto, pense bem e tenha suas preferências já definidas na hora de escolher os passeios que fará pelo vale.

 

Paisagens da serra gaúcha embelezam ainda mais a viagem
Paisagens da serra gaúcha embelezam ainda mais a viagem

Angheben

Acolhedora e tradicional, a vinícola Angheben tem produção de 20 mil garrafas por ano, que é considerado uma produção pequena. Com variedades raras e clássicas, a vinícola tem toda a sua produção realizada em um mesmo galpão, nos moldes antigos, com cavas escuras e corredores com garrafas e pipas de madeira.

Casa Valduga

O passeio pela vinícola Casa Valduga conta com restaurante, pousada e boutique, o que torna a ida ainda mais completa. Como parte do grupo da Famiglia Valduga, seus vinhos são finos e complexos em todos os 85 mil litros por ano que produzem no vale.

Outra curiosidade é que a vinícola é a maior cave subterrânea da América Latina, com capacidade de armazenamento de 6 milhões de garrafas. Além da visitação gratuita, é possível ter um custo de degustação no local que é pago.

Miolo

A vinícola Miolo é a maior exportadora de vinhos do Brasil e conta com produções em diversos pontos do país. Mais de 10 milhões de litros de vinho por ano são produzidos pela marca. Ideal para conhecer produções em larga escala, a matriz da Miolo fica no Vale dos Vinhedos.

Além de vinhos, sucos e espumantes também são comercializados pela marca. Lá também é possível fazer um mini curso de degustação, passeio nas cavas e curso de produção de vinhos.

Pizzato

Conhecida como a Casa do Merlot, a vinícola Pizzato já teve seu Merlot escolhido como o melhor do Brasil. O pioneirismo desta uva é um dos destaques da vinícola que se especializou em vinhos finos. A casa também conta com espumantes e seu passeio conta com degustação.

Almaúnica

Com estrutura localizada no centro do Vale dos Vinhedos, a Almaúnica é uma vinícola recente. Fundada em 2008, contam com a modernidade como aliada na produção de belos vinhos e espumantes, em um processo contemporâneo de produção. No caminho, passa-se por um caminho em meio aos vinhedos, o que deixa a visita ainda mais agradável.

Lídio Carraro

Vinícola Boutique. A Lídio Carraro foi uma das primeiras vinícolas do país a se consagrar no segmento premium e top premium, com exportações para mais de 20 países.

Especialista em vinhos puros, a vinícola não conta com correções de álcool nem filtração no processo de produção.

A vinícola Lídio Carraro elaborou vinhos para grandes eventos esportivos do país como o Pan 2007, Copa do Mundo 2014 e Olimpíadas 2016.

Cave de Pedra

Um castelo medieval no meio da serra gaúcha? Tem também! A vinícola Cave de Pedra traz charme e rusticidade em suas terras com a arquitetura medieval como destaque.

Com produção de 50 mil garrafas por ano, a Cave de Pedra certamente é uma vinícola que merece atenção na hora de escolher seus destinos no Vale dos Vinhedos. Lá é possível provar seus vinhos e também espumantes.

Larentis

Toda a qualidade e sutileza da enologia são encontradas na vinícola Larentis, uma das mais charmosas da região. Com 18 hectares, a vinícola produz vinhos e espumantes de alta qualidade, além de contar com o já famoso Piquenique nos Vinhedos.

Nele é possível petiscar nos parreirais com geleias, pães e frios e, claro, beber uma das ótimas garrafas de vinho produzidas no local.

Outras vinícolas

Como já dito, existem mais de 20 vinícolas na região. Dentre ainda temos as vinícolas Milantino, Peculiare, Terragnolo, Vallontano, Don Laurindo, Calza, Marco Luigi e muitas outras opções para se visitar.

Outros passeios no Vale dos Vinhedos

Apesar de ter o vinho como destaque, existem outras opções para passear no Vale dos Vinhedos, afinal de contas, lá é possível encontrar toda uma rede de turismo, com hotéis incríveis e outros ramos para a satisfação dos turistas que visitam o local como artesanato, gastronomia, vestuário e até aluguel de carros de luxo.

Apesar das vinícolas serem os destaques da região, o Vale dos Vinhedos conta com diversas atrações alternativas
Apesar das vinícolas serem os destaques da região, o Vale dos Vinhedos conta com diversas atrações alternativas

São tantas as opções que o Vale dos Vinhedos com certeza será o seu próximo destino no Brasil. E, para curtir até lá, o Superbid tem uma seleção especial de vinhos para você.

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça seu comentário
Por favor entre com seu nome aqui