Existe uma Quantidade Mínima para vender Produtos na Plataforma?

Existe uma Quantidade Mínima para vender Produtos na Superbid?

Os leilões são práticas de vendas usadas há muito tempo. Com a pandemia e o aumento dos preços em vários setores, essa prática tomou ainda mais visibilidade nos últimos anos, porém ainda existem dúvidas que perduram na vida das pessoas, como se existe quantidade mínima para vender produtos na plataforma Superbid, por exemplo.

Essa é uma dúvida que atinge mais os gestores de empresa que estão querendo colocar os seus produtos em leilão e garantir um retorno em um produto que está parado em sua empresa. E, de certa forma, acaba sendo dúvida de diversas pessoas que procuram o leilão como investimento.

Em nossa live com os especialistas João Godoy, Jacqueline Luz e Ana Matheus, falamos um pouco mais sobre a Superbid e explicamos como funciona em relação a quantidade mínima de produtos na plataforma.

Continue a leitura para saber mais!

Quantidade Mínima para vender Produtos na Plataforma

Para falar sobre esse assunto da maneira mais direta possível, a resposta para essa questão é sim. Porém, existem algumas ressalvas que permitem que poucos, ou até mesmo um produto seja colocado para leilão na plataforma Superbid.

Cadastre-se no site

A maneira mais simples de explicar isso é da seguinte forma: dependendo do item que você coloca para leilão, ele pode conter apenas uma unidade.

Por exemplo, você quer entrar para a categoria de informática leiloando apenas um computador da sua empresa. Isso não é possível por conta da quantidade mínima para essa categoria, portanto, junte com outros equipamentos e faça um lote maior.

Porém, se você tem um caminhão parado e deseja colocá-lo para leilão já é possível por conta do tamanho do item. Nesse caso, a sua empresa pode colocar apenas um item para leilão sem se preocupar com a quantidade mínima.

Para entender melhor sobre o assunto, abaixo, você confere um corte do primeiro webinar da série #BotaParaCircular, em que falamos sobre o assunto:

Para conferir outros conteúdos relacionados ao mundo dos leilões ou um pouco sobre a história da Superbid no mercado, clique aqui e acesse o blog Superbid!

Plataformas elevatórias: Tudo o que você precisa saber
Plataformas elevatórias: Tudo o que você precisa saber
Checklist para utilização de plataformas elevatórias
Checklist para utilização de plataformas elevatórias

Posts Similares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.