Guia pneus para caminhões

Guia pneus para caminhões: tudo o que você precisa saber sobre o assunto

Saber como escolher os melhores pneus para caminhões é um passo importante quando o assunto é controle de frotas e manutenção do seu veículo. Afinal, é por meio desse equipamento que você consegue gerar economias e evitar prejuízos, além de problemas com prazos e entregas. 

De modo geral, os pneus possuem uma função muito importante em relação ao veículo: além de serem os responsáveis pela tração que movimenta o caminhão ou carro de acordo com a força do motor, é ele também que suporta todo o peso que está sendo levado dentro da carroceria.

Leilão de caminhão

Isso quer dizer que os caminhões que levam uma carga maior, devem dar uma atenção redobrada à escolha do pneu para evitar problemas durante o trajeto, garantindo que todo o peso carregado não afetará o funcionamento do veículo.

Outra função é facilitar o trajeto, já que existem pneus indicados para cada tipo de estrada, o que garante que o veículo não sofra um desgaste por uso de equipamentos errados.

Para lhe ajudar a fazer essa escolha de forma consciente, separamos um post completo com um guia de pneus para caminhões, que lhe auxiliará na hora de escolher o melhor pneu para seu veículo de carga. Confira a seguir!

Como é a estrutura dos pneus para caminhão?

O primeiro passo para identificar um pneu de qualidade é entender as partes que formam o equipamento e qual a função de cada uma delas.

Capa de borracha sintética

A capa de borracha fica localizada dentro dos pneus e têm a função de câmara de ar, ajudando a prolongar a vida útil do equipamento caso ele acabe furando ou sofra qualquer tipo de vazamento.

Carcaça

A carcaça é a parte que recebe toda a carga e impacto dos caminhões, e são formadas por cerca de 1.400 fios de fibra têxtil e podem suportar até 15kg de carga em cada, dependendo da marca e qualidade.

a carcaça é a parte responsável pela resistência do pneu
a carcaça é a parte responsável pela resistência do pneu

Essa parte do pneu é colada junto com a borracha, oferecendo toda a resistência necessária exercida pelo peso do veículo parado ou em movimento.

Talão

A terceira parte do pneu é o talão, que tem a função de auxiliar os aros a ficarem presos, mantendo toda a estrutura fixa e transmitindo os comandos do motor às rodas. Ou seja, é por meio do talão que você aciona o comando de frenagem para que os pneus parem de rodar.

Flancos de borracha maciça

Os pedaços de borracha maciça servem para proteger os pneus do caminhão de contatos e choques que poderiam danificar a carcaça. É importante ressaltar que cada tipo de pneu possui uma altura de flanco que tem como base a dirigibilidade do veículo.

Leilão de caminhão

Lonas de reforço

As lonas de reforço são uma espécie de cintas compostas por cabos de aço super finos e resistentes que sobrepõem de forma diagonal os fios da carcaça, formando um triângulo que reforça a resistência do pneu.

Banda de rolamento

A banda de rolamento nada mais é do que a parte externa do pneu, formada pelos sulcos, ranhuras e barras: Os sulcos são responsáveis por drenar a água e evitar que os pneus deslizem ou fiquem muito frios. Dependendo do tipo do pneu, os sulcos podem ser mais fundos e mais grossos.

a banda de rolamento é a parte de fora do pneu
a banda de rolamento é a parte de fora do pneu

As ranhuras, enquanto isso, permitem que os pneus resfriem o suficiente para evitar problemas e diminuir a ressonância. Por fim, as barras são as responsáveis pela potência do veículo, já que exercem a tração necessária para que o carro se movimente e o motor possa ser usado na potência máxima.

Paredes laterais

Por fim temos as paredes laterais que compõem o lado de fora do pneu, feita de material flexível e resistente. Vale lembrar que existem algumas marcas de pneus que usam um material mais fino, o que impacta diretamente na direção: quanto mais fina as paredes, menos confortável será a direção do veículo.

Leia também: 10 dicas para conduzir o caminhão com a postura mais segura 

Quais são os tipos de pneus para caminhões?

Alta severidade

Os pneus considerados de alta severidade são indicados para uso dentro da cidade em trajetos urbanos, onde além de manter-se uma aceleração constante, também é necessário fazer frenagens mais recorrentes.

Média severidade

Para quem faz viagens estaduais e anda também dentro da cidade, ou até para caminhões que rodam o Brasil todo em vias diferentes, a recomendação é usar pneus de severidade média, já que eles são adaptáveis a diversos tipos de rodovia.

Leilão de caminhão

Baixa severidade

Para viagens longas de transporte a locais distantes, recomenda-se o uso de severidade mais baixa, já que sua anatomia permite melhor performance e economia de combustível.

Misto

Para caminhões que fazem rotas mistas, isto é: em estradas de asfalto e de chão, é necessário o uso de pneus mistos, que conseguem funcionar perfeitamente nos dois tipos de solo.

Com isso, você diminui o desgaste dos pneus causado pela troca constante das estradas, já que esse tipo é fabricado para suportar essas alterações frequentemente.

Off Road

Indicado para veículos que andam em estradas de chão e com muita terra, os pneus de caminhão off road devem ser usados apenas para máquinas maiores que não costumam transitar nas vias tradicionais.

os pneus off road são voltados para veículos que andam em estrada de terra
os pneus off road são voltados para veículos que andam em estrada de terra

Como escolher os pneus para caminhões?

Para escolher entre os modelos de mercado, além de apostar em uma marca de confiança, fique de olho na necessidade do seu veículo de acordo com a especificação e rotas que você costuma fazer. Por exemplo: se você costuma andar em estradas de chão e também nas vias tradicionais frequentemente, é indicado escolher um pneu misto.

Leia também: Qual é o caminhão mais potente do Brasil?

Leilão de caminhão

Porém, se anda apenas nas vias comuns e faz viagens mais longas, pneus de baixa severidade são opções mais indicadas.

Quais cuidados ter com um pneu?

Além de saber escolher corretamente o pneu para seu caminhão, você também precisa saber todos os cuidados que deve tomar para evitar desgastes e problemas com esses equipamentos.

Direção defensiva

O primeiro cuidado para garantir a vida útil do seu pneu é a direção defensiva, que nada mais é do que saber a forma correta de acelerar, frear e manobrar o caminhão em trânsito para que os pneus não sofram uma carga excessiva e acabem desgastando.

Rodízio de pneus

Você já ouviu falar em rodízio de pneus? Essa estratégia nada mais é do que a troca periódica da posição dos seus pneus, de forma estratégica para que nenhum deles sofra uma sobrecarga maior que a outra.

o rodízio dos pneus deve ser feito periodicamente para aumentar a vida útil do equipamento
o rodízio dos pneus deve ser feito periodicamente para aumentar a vida útil do equipamento

Porém, antes de começar a fazer o rodízio é indicado que você tenha conhecimento e siga as indicações do manual do proprietário que acompanha o veículo.

Leia também: Com caminhão vazio é preciso parar no Posto Fiscal?

Aferição de pneus

É por meio da aferição que você consegue determinar a profundidade dos sulcos e pressão de cada pneu, a fim de desenvolver estratégias necessárias para corrigir uma sobrecarga alta demais e aumentar a durabilidade de cada um deles.

Essa aferição deve ser feita periodicamente, e caso você faça rotas muito longas, sempre depois de finalizar os percursos.

Quando trocar os pneus de caminhão?

Os pneus de caminhão devem ser trocados sempre que apresentarem avarias como rasgos e furos, ou quando a validade do equipamento tenha finalizado, ou sempre que o sulcos tiverem se desgastado a ponto da profundidade ficar maior do que 1,6 milímetros.

Agora que você aprendeu mais sobre os pneus para caminhões no nosso guia, use nossas dicas para escolher o melhor pneu para seu veículo de carga e tome todos os cuidados necessários para aumentar a vida útil desse equipamento.

Leilão de caminhão

Para mais conteúdos relacionado ao mundo dos caminhões, desde frotas a dicas para os caminhoneiros, acesse outros conteúdos no blog Superbid!

Gás natural é a melhor opção: Tudo sobre o assunto
Gás natural é a melhor opção: Tudo sobre o assunto
Tudo sobre rastreamento de carga
Tudo sobre rastreamento de carga

Posts Similares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.