É comum que os caminhoneiros profissionais passem mais tempo nas estradas do que em suas próprias casas. Isso porque, as longas viagens que eles fazem para entregar produtos levam dias e, em alguns casos, até semanas. Mas, mesmo com toda experiência de volante que esses motoristas possuem, existem algumas posturas que podem ser tomadas para conduzir o caminhão de uma maneira mais segura. 

De acordo com uma matéria publicada pelo G1, os acidentes de caminhões crescem uma média de 12% nos finais de ano. E grande parte dessas tragédias poderiam ser evitadas colocando algumas condutas em prática.

Confira a seguir 10 dicas para conduzir o caminhão com a postura mais segura e as maiores causas de acidentes de trânsito envolvendo caminhões!

10 dicas para conduzir o caminhão com a postura mais segura

Essas dicas foram estabelecidas pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito) e estão presentes em sua apostila de Direção Defensiva e de Primeiros Socorros. Ela foi publicada a fim de orientar os condutores de veículos automotores em relação à postura no trânsito.

1- Segurar o volante com as duas mãos

A recomendação é que o condutor segure o volante do veículo com as duas mãos na posição em que o ponteiro do relógio marca 9 horas e 15 minutos. Ou seja, uma mão em cada lateral da direção. Dessa forma, é possível enxergar o painel e acessar os comandos do veículo sempre que necessário.

o jeito correto de segurar o volante é com ambas as mãos nas laterias formando um ângulo de 180º
o jeito correto de segurar o volante é com ambas as mãos nas laterias formando um ângulo de 180º

2- Verificar o funcionamento de itens importantes

Antes de começar a sua jornada, o motorista deve analisar com cautela as informações do painel e verificar se o veículo está funcionando corretamente. Também é importante estar atento ao estado dos pneus e fazer sempre a revisão antes de iniciar uma viagem muito longa.

3- Usar o cinto de segurança

Fazer o uso do cinto de segurança é indispensável para qualquer motorista. Além disso, ele deve estar ajustado firmemente e passar sobre o peito, nunca sobre o pescoço do condutor. Deixar de usar o equipamento de segurança é considerado uma infração de natureza grave de acordo com o artigo 167 do Código de Trânsito Brasileiro. A penalidade é uma multa, acompanhada de uma medida administrativa de retenção do automóvel até que o condutor coloque o cinto.

usar o cinto de segurança evita lesões graves em possíveis acidentes de trânsito
usar o cinto de segurança evita lesões graves em possíveis acidentes de trânsito

4- Dirigir com os braços e pernas dobrados

O ato de dirigir com os braços e as pernas ligeiramente dobrados ajuda a diminuir as chances de lesões.

Os braços não devem estar nem muito esticados, nem muito dobrados. Da mesma forma, as pernas não devem se esticar completamente até os pedais.

5- Apoiar o corpo no assento

Certifique-se de que o seu corpo está bem apoiado no assento e no encosto do banco. O ideal é que você se aproxime o máximo possível de um ângulo de 90 graus.

6- Ajustar o encosto de cabeça

Muitas pessoas se esquecem desse detalhe, mas ajustar o encosto de cabeça de acordo com a altura do seu ocupante é uma postura que auxilia a melhorar a segurança da viagem. É preferível que esse ajuste seja feito na altura dos olhos.

adequar o encosto de cabeça ajuda a aumentar a segurança da viagem
adequar o encosto de cabeça ajuda a aumentar a segurança da viagem

7- Manter os calcanhares apoiados no assoalho do veículo

Os calcanhares devem estar sempre apoiados no assoalho do veículo. Principalmente quando não estiver usando os pedais, o ato pode auxiliar na hora de evitar acidentes. Afinal, se você apoia os pés em algum deles, pode acabar pressionando-os sem necessidade.

8- Escolher sapatos fixos aos pés

Dirigir de chinelos de dedo pode fazer com que seu pé escorregue e você não consiga acionar os pedais rapidamente. Por isso, escolha sempre aqueles calçados que se fixam nos pés como tênis ou botinas, por exemplo.

Dirigir de chinelos de dedo é considerado uma infração média com penalidade de multa.

9- Olhe sempre os retrovisores

Você deve sempre checar os retrovisores antes de dar partida ou fazer alguma manobra que coloque o trânsito em risco. Fique na postura correta e ajuste os retrovisores de uma maneira que você veja no espelho 10% da lateral do seu veículo e, nos 90% restantes, a pista.

o retrovisor deverá lhe mostrar 10% da lateral do seu caminhão e 90% da pista
o retrovisor deverá lhe mostrar 10% da lateral do seu caminhão e 90% da pista

10- Não use o celular enquanto dirige

Atualmente, é muito comum encontrarmos pessoas dirigindo carros e caminhões mexendo no celular. Porém, sua atenção deve estar toda direcionada para a pista, e não para a tela do aparelho. Além de ocupar sua mão que deveria estar no volante, ele também distrai sua visão e pensamentos.

A prática é extremamente perigosa e considerada uma infração de trânsito gravíssima, com penalidade de multa.

Os maiores motivos de acidentes de trânsito envolvendo caminhões

Grandes distâncias percorridas em uma mesma viagem

Por ser um país com um território bastante extenso, é quase certo que grande parte dos transportes feitos pelo Brasil levarão dias até serem concluídos. Muitas vezes as empresas e os clientes não levam em consideração todo o tempo necessário para se cruzar os estados de um canto ao outro.

Essa distância elevada juntamente com a pressão para cumprir prazos muito apertados acabam aumentando a taxa de acidentes envolvendo veículos de carga. Fome, sono e fadiga são os fatores de maior influência na perda dos reflexos, comprometendo a segurança do motoristas e de todos os envolvidos no trânsito.

a grande distância percorrida entre um estado brasileiro e outro contribui para os acidentes envolvendo caminhões
a grande distância percorrida entre um estado brasileiro e outro contribui para os acidentes envolvendo caminhões

Além disso, o uso indiscriminado do rebite pode aumentar os riscos de acidentes nas vias, ainda mais se consumido em grandes doses e misturado com álcool.

Excesso de cargas

Embora os órgãos governamentais façam uma fiscalização, é muito comum encontrarmos caminhões trafegando com pesos acima do limite permitido. Além de causar danos na infraestrutura das estradas, essa situação também é considerado um fator de risco de acidentes.

Afinal, caminhões pesados demais perdem sua eficiência principalmente na hora de fazer curvas e ultrapassagens. Isto é: por mais que você seja prudente e tenha vasta experiência em conduzir o caminhão, poderá se envolver facilmente em um acidente de trânsito se ele estiver com uma carga acima do limite.

Sabendo disso tudo, a indicação é que motoristas de caminhões jamais trafeguem com excesso de carga, deixando sempre claro para seus clientes os problemas e danos que isso poderá trazer ao caminhão, a você e até mesmo à própria carga.

caminhões com excesso de carga perdem a eficiência na hora de fazer curvas e ultrapassagens
caminhões com excesso de carga perdem a eficiência na hora de fazer curvas e ultrapassagens

Imprudência dos motoristas

Esse é um dos problemas nas estradas que gera acidentes fatais diariamente. Grande parte dos caminhoneiros ignoram que o tamanho dos seus automóveis exige um maior cuidado na hora de conduzir o caminhão. Ou seja, o comportamento de um caminhoneiro é um fator decisivo para acidentes envolvendo veículos de carga.

Os problemas variam desde a ultrapassagem em lugares proibidos, como faixas contínuas, curvas, pontes ou acostamento, até a direção em alta velocidade.

Descumprimento da lei do caminhoneiro

A Lei do Caminhoneiro entrou em vigor em 2012 e foi atualizada em 2015. Ela faz referência à maneira que os motoristas profissionais devem conduzir o caminhão, além de trazer vários direitos e garantias a essa classe de trabalhadores. Porém, alguns motoristas ainda não seguem essa Lei. Isso tem contribuído para que os acidentes de trânsito aumentem nas rodovias cada vez mais.

fazer as devidas paradas para descanso de acordo com a Lei dos Caminhoneiros contribui para uma melhor segurança no trânsito
fazer as devidas paradas para descanso de acordo com a Lei dos Caminhoneiros contribui para uma melhor segurança no trânsito

As regras mais desrespeitas normalmente são: intervalos para descanso, repouso, paradas para almoço e lanche e jornada máxima de trabalho. A ideia dessa Lei era proporcionar uma maior qualidade de vida aos caminhoneiros. No entanto, alguns a enxergam como uma limitação para sua produtividade.

É preciso fazer com que esses profissionais entendam que só terão bons resultados se sua saúde e integridade física estiverem protegidas. E isso só será possível cumprindo as leis e se tornando um exemplo para os colegas do ramo.

Má conservação das estradas e rodovias

Não pense que todos os acidentes envolvendo veículos de carga são de responsabilidade dos condutores. Afinal, a má conservação das nossas rodovias e estradas ainda é considerada um dos maiores problemas que desencadeiam acidentes de trânsito. Além dos caminhões, carros e motos também podem ser impactados por essa falta de estrutura.

Buracos, lombadas e má sinalização são apenas alguns exemplos de como conduzir o caminhão pelas rodovias brasileiras tem se tornado um grande desafio. Isso reforça a necessidade de ser um condutor atento e prudente, já que as condições não são favoráveis nem ideais.

a má conservação das rodovias é um fator que contribui para acidentes envolvendo caminhões
a má conservação das rodovias é um fator que contribui para acidentes envolvendo caminhões

E como vimos acima, trafegar com cargas além do limite permitido ajuda a aumentar esse problema. Ou seja, parte da culpa ainda é dos condutores que descumprem as leis para obter lucros a qualquer custo. O que resulta em uma redução da segurança nas vias.

Excesso de confiança

Você com certeza já encontrou algum motorista experiente que está acostumado a lidar com problemas nas estradas. Porém, isso pode ser um problema caso ele se envolva em situações de riscos ou acidentes. O excesso de confiança pode fazer com que o condutor coloque sua vida em risco ao achar que sabe ou consegue lidar com qualquer problema que encontrar nas estradas.

Por mais que você conheça bem a estrada, suas limitações e suas curvas, mantenha-se sempre atento durante todo o trajeto. Evite distrações ou relaxar enquanto está ao volante e lembre-se de parar para descansar sempre que julgar necessário.

O excesso de confiança é uma armadilha que você precisa aprender a evitar para que sua vida e a de terceiros não sejam prejudicadas.

Distrações ao volante

Esse é um dos problemas que vêm se tornando cada vez mais comum. Com o uso excessivo de aparelhos celulares, se distrair do trânsito é algo comum para caminhoneiros e até motoristas de carros de passeio. Porém, essa conduta contribui para grande parte dos acidentes nas estradas. Além disso, outros equipamentos podem acabar distraindo o motorista ao conduzir o caminhão.

Sendo assim, faça o ajuste do rádio, ar-condicionado e GPS antes de começar a viagem e esteja sempre focado e atento na estrada. Evite, também, usar o celular enquanto está ao volante e, se necessário, atenda ligações apenas quando estiver estacionado em um lugar seguro e adequado.

Viu como é fácil ter uma postura mais segura para conduzir o caminhão? Coloque nossas dicas em práticas e comece agora mesmo a contribuir para um trânsito mais seguro. Não se esqueça de levar em conta os fatores que mais causam acidentes de trânsito envolvendo caminhões. Assim, fica mais fácil saber quais condutas você deve evitar.

Pensando em comprar um caminhão? Vem para o Superbid!

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça seu comentário
Por favor entre com seu nome aqui