Como a política afeta o mercado de investimento imobiliário

Como a política afeta o mercado de investimento imobiliário e quais as saídas para evitar o prejuízo?

A política é um dos assuntos mais importantes quando falamos de impacto econômico, já que ela reflete diretamente nos setores financeiros tanto no mercado de investimentos como nas taxas de juros, inflação e empréstimos. Mas você sabe como a política afeta o mercado de investimento imobiliário?

Hoje, vários fatores da nossa vida e do nosso dia a dia são influenciados pela política sem que sequer nos demos conta. Mas, especialmente para quem já aprendeu os sinais de que está na hora de comprar um imóvel, é importante entender como as questões políticas impactam diretamente nesse investimento.

Pensando em lhe ajudar, separamos um post abordando mais sobre esse assunto e explicando melhor os impactos no mercado imobiliário. Confira!

Como a política afeta o setor financeiro?

Embora pouco se fale, alguns setores como o mercado de investimento imobiliário são afetados diretamente pela política, e hoje podemos considerar como o que sofre os maiores impactos.

Isso porque nos últimos anos, a taxa básica de juros, a Selic, sofreu uma grande variação e baixa, que fez com que muitas pessoas envolvidas nesses processos ficassem preocupados com a rentabilidade e vantagens dos financiamentos.

a política é um dos fatores que mais afeta a taxa Selic, que consequentemente afeta o setor imobiliário
a política é um dos fatores que mais afeta a taxa Selic, que consequentemente afeta o setor imobiliário

Essas pessoas normalmente são investidores em renda fixa: isto é, emprestam seu dinheiro para os bancos ou governo para receber de volta com juros. Ou seja, quanto maior a taxa no momento, maior a dívida do governo ao pegar esse dinheiro emprestado por meio da emissão de títulos públicos.

Essa proporção faz com que a taxa Selic diminua conforme os títulos aumentem, a fim de evitar que o governo fique no prejuízo.

No entanto, existe outra relação que faz com que a taxa básica também sofra algumas variações ao decorrer dos anos – a relação entre a Selic com o consumo. Assim, quanto menor a taxa, maior o consumo.

Com a taxa Selic menor, os financiamentos ficam mais baratos e a população começa a ter acesso aos créditos e empréstimos, o que resulta no aumento do poder de compra.

Esse aumento beneficia diretamente os setores de quase todo o tipo de comércio, impactando em uma alta demanda e alta venda durante o período.

Grande parte dos varejistas são diretamente beneficiados com isso, o que pode ser um ponto de partida para o crescimento do seu negócio.

Como a política afeta o mercado de investimento imobiliário

Em meados de 2014, o cenário imobiliário era um pouco diferente: era mais fácil encontrar casas para vender ou alugar ou pontos comerciais vazios. Isso não acontece hoje em dia, já que a taxa Selic impacta diretamente nesse tipo de investimento: compra e venda de residências.

Ou seja, as casas para venda e aluguel disponíveis hoje são muito menores comparado há alguns anos, já que o poder de compra e venda do setor aumentou com a Selic mais baixa. 

No entanto, é importante levar em consideração as crises econômicas e momentos em que o país vive durante o período da baixa na Selic, já que mesmo com a taxa baixa, uma grande crise pode impactar de forma negativa o setor financeiro.

para quem quer investir no mercado imobiliário é necessário ficar de olho na política e na economia do país
para quem quer investir no mercado imobiliário é necessário ficar de olho na política e na economia do país

O que acontece é que dentro do setor imobiliário existe uma modalidade da renda variável com um risco moderado e que está totalmente ligado a política, o chamado Fundo Imobiliário.

Os fundos imobiliários são impactados diretamente e proporcionalmente com as mudanças da economia e política. Isso porque o fundo imobiliário nem sempre é composto por um imóvel físico, já que é possível investir em ativos como recibos e letras de crédito imobiliário, fundos de renda fixa, tesouro direto e letras hipotecárias, por exemplo.

Junto, os investidores ainda podem optar por aplicar seus dinheiros em ações permitidas aos fundos imobiliários, como administradores de shopping, corretoras de imóveis e incorporadoras – todos com o mesmo objetivo de investir no mercado imobiliário.

Graças ao fundo fechado, os investidores do Fundo Imobiliário não conseguem resgatar suas cotas e apenas vendem para outros compradores.

Isso faz com que a negociação seja feita na bolsa, aumentando a liquidez em decorrência à validade do acesso dos investidores comuns. Isto é: os fundos imobiliários são regulados e fiscalizados pela CVM – Comissão de Valores Mobiliários -, que nada mais é do que uma autarquia vinculada ao Ministério da Economia.

Isso mostra que de todos os setores, o investimento imobiliário reflete instantaneamente os movimentos que a política econômica causa no país, além de serem afetados no valor da cota e dividendos pagos.

Existe uma forma de aumentar a segurança diante desse cenário?

Uma das melhores formas de manter a segurança nos investimentos imobiliários é acompanhando o mercado e ficando atento à movimentação que está sendo feita no setor, a fim de entender quais são os impactos da política no seu patrimônio.

A partir dessa avaliação, você consegue estudar o mercado mais profundamente e entender se é hora de investir em um bem, mantê-lo ou vendê-lo de acordo com os números atuais, incluindo especialmente a taxa Selic.

para diminuir os riscos é importante estudar e entender o mercado e cenário atual
para diminuir os riscos é importante estudar e entender o mercado e cenário atual

Na grande maioria dos casos, é necessário um estudo mais profundo para evitar prejuízos, especialmente em um setor que é impactado todos os dias de acordo com a política econômica do país.

Agora que você viu como a política afeta o mercado de investimento imobiliário, faça um estudo dos seus bens e do mercado antes de investir. Somente a partir de uma boa análise do mercado você consegue compreender como o cenário se apresenta e se você deve investir, manter ou vender seus investimentos sem sair no prejuízo.

Confira o leilão de imóveis da Superbid e garanta preços abaixo da avaliação para começar seus investimentos nos negócios imobiliários!

Plataformas elevatórias: Tudo o que você precisa saber
Plataformas elevatórias: Tudo o que você precisa saber
Checklist para utilização de plataformas elevatórias
Checklist para utilização de plataformas elevatórias

Posts Similares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.