O vazamento de óleo é um dos problemas automotivos mais comuns, e também um dos principais motivos de preocupação dos motoristas.

Mesmo um vazamento pequeno pode indicar algo muito maior, com capacidade para comprometer a dirigibilidade do veículo e a sua própria segurança. 

Esse tipo de problema é um alerta de que há alguma coisa errada com o funcionamento do veículo. Ao mesmo tempo em que é um sintoma, pode também afetar diretamente o motor.

O óleo é importante para refrigerar o motor, lubrificar as peças e prevenir sua corrosão e realizar a limpeza interna. Por isso, uma vez detectado o vazamento, o ideal é investigar a causa e procurar resolver o problema o mais rápido possível.

Confira a seguir as 4 principais causas que levam ao vazamento de óleo e o que fazer nesses casos. 

1 – Problemas no cárter pode causar o vazamento de óleo 

O cárter é onde o óleo fica depositado, e está localizado na parte inferior do motor do veículo. Quando é danificado, pode levar ao vazamento de óleo, havendo a necessidade de que a peça seja substituída.

Mesmo com a troca do cárter, é importante checar se não há outros vazamentos antes de remover a caixa de óleo. 

Outro possível causa para esse problema está ligada ao bujão, um parafuso localizado no dreno do cárter. Se ele não estiver fechado corretamente, pode ocasionar um vazamento de óleo.

Vazamento de óleo no veículo por conta de algum problema no protetor de cárter.

Isso geralmente acontece em veículos já antigos com o anel de vedação desgastado, ou entre uma troca de óleo e outra, quando o profissional responsável pelo serviço deixa o bujão um pouco frouxo ou então apertado demais (o que pode fazer com que a rosca espane). 

Nesse último caso, o motorista pode observar outros sintomas ao dirigir o veículo, como a perda de potência e o aumento do consumo de combustível. A solução para esse problema é simples, basta trocar o bujão. 

2 – Filtro mal instalado

O filtro deve ser rosqueado no cárter do motor, mas caso isso não seja feito corretamente também pode causar vazamentos. Além disso, é necessário que o filtro utilizado tenha o tipo e o tamanho adequados para o seu veículo. 

Categoria leilão de carros

Por isso, é importante ficar atento após realizar o serviço de troca de óleo, e caso seja identificado um vazamento, por menor que seja, leve o carro de volta para o local onde o serviço foi realizado para verificação.

Caso tenha sido escolhido o filtro correto e ele não esteja danificado, o problema pode ser solucionado simplesmente com o aperto do componente. 

3 – Excesso de óleo 

Essa é uma das principais causas de vazamento de óleo, geralmente provocado pelo próprio motorista quando a manutenção é feita em casa. O óleo do veículo precisa estar no nível adequado, entre o mínimo e o máximo na vareta de medição.

A melhor forma de se prevenir contra o vazamento de óleo é encontrar um mecânico para fazer a revisão de seu carro.
Vazamento de óleo: o que fazer quando acontece?

A falta de óleo pode provocar o desgaste nas peças, mas colocar demais causa vazamentos. Se o óleo vazado atingir a câmara de combustão, as velas ou o catalisador, também pode causar prejuízos. 

Para evitar qualquer equívoco ao checar o nível de lubrificante, o ideal é fazer esse procedimento em lugares planos com o motor frio, no mínimo após 10 minutos do veículo ter sido desligado. A frequência indicada para isso é de uma vez por semana. 

4 – Selo de carcaça de árvore de comando danificado

Esse dispositivo evita que o óleo escape antes de atingir o virabrequim.

Utilizar o veículo com o nível de óleo do motor abaixo do nível mínimo pode causar o ressecamento e rompimento da borracha que compõe essa peça. Isso pode ser provocado pelo desgaste natural da peça, principalmente em veículos mais antigos. 

O que fazer ao detectar vazamento de óleo?

Independente de outros sintomas que o veículo possa apresentar ou da última vez que foi feita manutenção, o recomendado ao detectar um vazamento de óleo é sempre consultar um mecânico. 

Vazamentos de óleo podem diminuir rapidamente o nível de óleo no motor, o que oferece graves prejuízos ao veículo e a segurança de seus passageiros.

Por isso, é importante não negligenciar e procurar o mais rápido possível por um profissional capacitado para identificar quais as causas desse problema. 

Mecânico analisando o nível de óleo do veículo. Dessa maneira, é possível saber se o óleo está abaixo ou se está a ponto de troca.

O custo necessário para arcar com esse problema pode variar de acordo com a causa do problema e o modelo do veículo em questão.

Uma manutenção simples como a limpeza do motor sai em média por R$ 80. Se o problema for no cárter, o preço do conserto de um carro popular sai em torno de R$ 250.

Em casos em que há demora para buscar ajuda, o motor pode ficar comprometido por conta da falta de lubrificação das peças, e então o custo é bem superior, por volta de R$ 2.500

Em alguns casos, quando o valor do conserto fica muito alto, pode ser que não valha a pena realizá-lo, tendo em vista as condições gerais do veículo.

Categoria leilão de carros

O que fazer, então? Será que chegou a hora de trocar de carro? Confira a seguir uma opção que vai mudar sua forma de enxergar esse processo. 

Leilão online é a melhor opção para comprar carro 

Quando um veículo passa a apresentar problemas recorrentes, pode ser o caso de avaliar as condições financeiras para investir em um novo automóvel. 

Se praticidade e autonomia são aspectos que você prioriza, então vai gostar de saber que é possível encontrar um modelo através do leilão de veículos. Essa é uma maneira de encontrar um veículo em ótimo estado e com o valor mais baixo do que a tabela Fipe.

A manutenção de um veículo é um passo importante para que ele tenha uma longa vida. Para mais dicas em relação ao cuidado com os carros, clique aqui e acesse nosso blog!

Leilão Online é na Superbid

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça seu comentário
Por favor entre com seu nome aqui