queima de estoque não vendeu todos produtos

O que fazer quando a queima de estoque não vendeu todos produtos?

A queima de estoque é uma estratégia usada especialmente para mudanças de estações, mudança de coleção ou produtos perto da data de validade. Dessa forma, mesmo que o lucro da empresa em cada item seja menor, o grande volume de venda faz com que o lucro total seja alto e evitar desperdícios e perdas. Mas o que devemos fazer quando a queima de estoque não vendeu todos os produtos?

Manter muitos produtos em estoque sem movimentação pode ser um grande risco para a empresa. Isso porque todos os produtos dentro do estoque nada mais é do que dinheiro parado, o que prejudica diretamente o capital de giro da instituição.

Como resultado, além de poder se endividar por falta de dinheiro, a empresa não consegue investir em novos produtos e pode até mesmo sair no prejuízo por perdas e deterioração dos itens.

Leia também Por que o estoque parado é um grande problema para sua empresa?

Pensando em lhe auxiliar a evitar que isso aconteça, separamos um post dando algumas dicas do que fazer com seus produtos quando você não consegue vender tudo mesmo depois de uma queima de estoque. Confira!

Cadastre-se no site

O que fazer quando a queima de estoque não vendeu todos produtos?

Oferecer brindes

Uma das melhores saídas para os produtos que não venderam na queima de estoque é oferecê-los como brindes para compras acima de X reais ou para novos clientes. Embora essa estratégia possa soar como prejuízo para a empresa, ela deve ser encarada como um investimento para melhorar o relacionamento do cliente com a empresa.

uma boa forma de investir em sua empresa é usar alguns itens do estoque parado como brinde para compras mais altas
Uma boa forma de investir em sua empresa é usar alguns itens do estoque parado como brinde para compras mais altas

Isso porque, sempre que sua empresa entrega um brinde para seus clientes, ela passa uma imagem de cuidado e carinho para quem compra com ela, podendo muitas vezes até fidelizar novos consumidores a partir disso.

Além do mais, essa estratégia também pode ser chamada como overdelivery, que acontece quando a empresa entrega mais valor do que aquele pago pelo cliente. Por exemplo, você comprou um vestido e um biquíni e ganhou uma canga.

Vale lembrar que nem todos os produtos podem ser usados como brindes, já que o ideal é que sejam produtos mais simples e com um valor de aquisição mais baixo.

Criar combos

Outra saída é criar combos com os produtos que a queima de estoque não vendeu com aqueles que têm mais saída. Assim, você incentiva seu cliente a conhecer outros produtos e ainda oferece um desconto no combo.

Por exemplo, um vinho de R$200 que tem uma boa saída e um espumante de R$120 que está parado no estoque podem formar um combo de R$260, desde que a empresa faça os cálculos corretos para chegar em um valor com uma boa margem de lucro – nem tão alta mas nem tão baixa -, para que não saia no prejuízo.

Cadastre-se no site

Promoção pague 1 leve 2

Outra estratégia que costuma ser muito benéfica para as empresas que estão com estoques parados mesmo depois de ter feito uma queima de estoque é a promoção pague 1 leve 2, onde tecnicamente o segundo produto sai “de graça”.

Porém, para esse tipo de promoção sua empresa deve calcular os custos diretos e indireto de cada produto e embutir uma margem de lucro que cubra os custos dos 2 e ainda garanta uma porcentagem de lucros, que nesse caso pode ser mais baixa.

as campanhas de compre 1 leve 2 são usadas especialmente para queima de estoque
As campanhas de compre 1 leve 2 são usadas especialmente para queima de estoque

Esse tipo de promoção é usada normalmente em produtos complementares como por exemplo: você paga o shampoo e leva o condicionador, paga por 1 caixa de cereal e leva 2, paga por uma blusa e leva um shorts etc.

Live Shop

A live shop é uma das maiores tendências de vendas e queima de estoque dos últimos tempos. Nesse tipo de live, normalmente feita no instagram, as lojas anunciam alguns produtos em promoção para venda e as pessoas que se interessarem entram em contato para concretizar a compra.

Nesses casos, a maioria das lojas preferem colocar todos os itens a um único preço – tudo por R$30, por exemplo – ou aplicar a mesma promoção em todos os itens – tudo com 50% off.

Utilizar para outras finalidades

Dependendo do produto comercializado, você pode usá-lo para outras finalidades, especialmente se você atuar no ramo alimentício. Caso seus produtos não tenham sido vendidos na queima de estoque, aproveite para fazer outros pratos e sobremesas novas antes que atinjam a data de validade e comercialize com preços promocionais, ou aproveite para testar novos produtos para o seu menu.

Como fazer uma boa queima de estoque?

Para que você não tenha riscos de ficar com produtos que a queima de estoque não vendeu, é importante usar boas estratégias para conseguir zerar seu estoque nesse tipo de evento ou pelo menos ficar com pouquíssimas unidades no estoque.

Pensando nisso, faça uma boa promoção nas redes sociais e escolha datas estratégicas.

Uma dica é colocar as melhores promoções perto do 5º dia útil do mês, quando a maioria das pessoas já receberam e estão mais propensas a fazer compras. 

Depois de estabelecer a data, veja quais produtos vão fazer parte da sua queima de estoque. Dê sempre preferência para os produtos que estão parados há muito tempo e para itens que possuem data de validade, como nos casos de alimentos, por exemplo.

Cadastre-se no site

Escolha o público que você quer atingir e faça sua comunicação voltada especialmente para ele. Se sua queima de estoque for acontecer em sua loja física, você também pode fazer banners para colocar na entrada da loja e colocar algumas bexigas para chamar a atenção de quem está passando por perto.

Se o evento for acontecer online, não se esqueça de fazer bons anúncios e boas divulgações, e se possível, fechar parcerias com pessoas que sejam influentes no seu nicho de atuação.

Deixe o preço bem visível e coloque produtos que você deseja vender em maior quantidade em lugares estratégicos. Dessa forma a queima de estoque que não vendeu é mais eficaz.
Deixe o preço bem visível e coloque produtos que você deseja vender em maior quantidade em lugares estratégicos

Agora que você viu quais são as melhores estratégias quando a queima de estoque não vendeu todos os produtos, use nossas dicas para baixar seu estoque o máximo possível, evitando possíveis prejuízos com perdas e falta de capital de giro.

Lembre-se, também, de sempre fazer uma boa gestão de estoque para ter uma ideia de quais produtos têm mais saída, quais são os mais difíceis de vender e quanto tempo faz que cada mercadoria está parada.

Veja todas as possibilidades e vantagens de vender no Marketplace da Superbid e movimentar seu estoque parado. Acesse a página de Vendas e confira todas as informações.

A Superbid ajuda você a pensar em soluções para queima de estoque que não vendeu, de maneira segura e que você não tenha prejuízos em seu caixa. Clique aqui e confira outros conteúdos relacionados a isso em nosso blog!

Plataformas elevatórias: Tudo o que você precisa saber
Plataformas elevatórias: Tudo o que você precisa saber
Checklist para utilização de plataformas elevatórias
Checklist para utilização de plataformas elevatórias

Posts Similares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *