Você já se perguntou como é feito o processo de construção de uma casa, um prédio ou uma fábrica? Antes de erguê-los, é preciso muito mais do que colocar cimento e tijolos empilhados. Para que uma boa execução de construção seja feita, são necessários alguns processos que cuidam do solo que receberá o alicerce. Um desses processos é o que chamamos de terraplanagem.

Tirar e colocar terra em locais do terreno de acordo com o projeto não é uma tarefa tão fácil. Afinal, é necessário saber como operar máquinas pesadas para desempenhar esse trabalho. Além do mais, o profissional também deve saber quais tratamentos aquele solo precisa receber, e quais máquinas são as mais indicadas para cada procedimento.

O que é terraplanagem?

A terraplanagem é o processo que consiste em mover ou processar grandes partes da superfície do solo.

Normalmente, esse procedimento não envolve apenas terra, podendo também se tratar de rochas.

A finalidade de terraplanagem é aplanar um determinado terreno para vários tipos de construções, como canais, estradas, barragens, preparação do terreno para edifícios ou fábricas.

Operações básicas empregadas no processo de terraplanagem

Escavação

Durante a escavação, a máquina rebaixa a topografia natural do terreno para a cota pré-estabelecida no projeto de construção.

Escavação com remoção de terra

Nesse processo, além de escavar o terreno, a terra removida é carregada para locais chamados de Aterros ou Bota-foras.

Escavação sem remoção de terra

A terra é escavada no local em que a topografia está acima das cotas do projeto. Essa terra é depositada nos locais da área onde os níveis do terreno estão abaixo do ideal, de acordo com o projeto. Esse procedimento também recebe o nome de corte e compensação. Confira como esse processo funciona:

Aterrar

É o ato de derramar terra em determinado local para que as áreas abaixo da cota do projeto de construção sejam elevadas. Normalmente, usa-se a terra vermelha, uma vez que seu rendimento é melhor no trabalho de compactação do aterro.

Aterro com importação de terra

Quando não houver necessidade de fazer uma escavação, ou quando a terra do próprio terreno material não é o suficiente para atingir as cotas necessárias para aplainar o aterro, é necessário importar terra de outro terreno que não esteja a utilizada.

Aterro sem importação de terra

É o processo feito com a terra que já estava no terreno, mas que não está sendo utilizada, recebendo o nome de corte e compensação, como já mencionado acima.

Compactação de solo

Quando é necessário fazer aterros em determinados locais do terreno, um trabalho de compactação do solo será certamente necessário. Neste trabalho, os profissionais compactam o solo com o uso de equipamentos chamados de rolos compactadores ou compressores. Essa máquina é capaz de comprimir o solo com seu peso e vibração para torná-lo firme e resistente.

Rolo Compactador: quais os tipos e suas funções 

É comum nessas situações que os engenheiros de solos ou calculistas determinem quão compacto deve estar o solo. Além disso, algumas análises laboratoriais também são feitas para definir se o solo está apto ou não para a construção.

os rolos compactadores têm a função de deixar o aterro mais comprimido e pronto para a construção
os rolos compactadores têm a função de deixar o aterro mais comprimido e pronto para a construção

A compactação geralmente é feita em camadas: um aterro é feito de no máximo 20 cm de altura e a terra é umedecida por um caminhão-pipa caso esteja muito seca, ou secada pelo que chamamos de Grade, caso esteja úmida demais. Somente após esse “tratamento” o rolo compactador é utilizado, e em seguida, são feitas diversas camadas até atingir a cota.

Troca de solo

Quando a consistência do solo original não é boa, ou seja, não é firme o suficiente para conseguir suportar a construção, utilizamos a técnica chamada de troca de solo. Primeiramente, faz-se o estudo do solo por meio de uma amostra em laboratório.

Os resultados mostrarão quantos metros abaixo da topografia original será necessário escavar, para então, aterrar e compactar o terreno e atingir as cotas do projeto.

Drenagem de solo

Quando os terrenos estão úmidos demais, a drenagem é feita criando canais em locais estratégicos para fazer o escoamento da água em excesso. Esses canais são feitos por valas de níveis mais baixos do que o restante do terreno. Veja como é feita uma dessas valas:

Se essa umidade vier de uma nascente, é preciso respeitar um raio de aproximadamente 50m para então criar um canal que escoe a água para longe do lugar em que será feita a construção. Já nos casos em que a umidade é causada pelo acúmulo de águas pluviais, o terreno deve ser inclinado suavemente para que o escoamento seja feito com maior facilidade.

A drenagem do solo é muito importante, principalmente, para construções em que a fundação será profunda.

Prevenção de erosão

Em solos de composição arenosa ou sedimentar, taludes e terrenos de topografia em declive ou aclive, as erosões causadas pela ação de fortes chuvas são bastante comuns.

Por isso, a técnica mais usada para prevenir o surgimento de erosões em áreas grandes é a criação de curvas de nível. Essas curvas são cortes ao longo do aclive/declive capazes de captar a água. Assim, a mesma é escoada pela terra para que não crie velocidade e desagregue o solo criando as erosões.

A quantidade de curvas criadas em determinada área irá depender exclusivamente da sua extensão e grau de inclinação. Caso ela atinja os 45º, que seria uma inclinação natural da terra não compactada em aterros, não se aconselha fazer curvas com mais de 5 ou 6 metros de espaçamento.

Quanto menor for a inclinação, maior será o espaço necessário entre as curvas de nível.

Principais máquinas de terraplenagem

Caminhão Basculante

Essencial para apoiar serviços de escavação e demolição, esse tipo de caminhão é excelente para transportar cargas volumosas, como entulhos e terra. Além disso, garante a segurança dos profissionais e uma maior praticidade.

CAMINHÃO BASCULANTE VOLKSWAGEM 18310, 2003/2003, PL FINAL: 3 (MG), . Loc.: Pedro Leopoldo/MG.

Escavadeira

Considerado um equipamento de escavação muito poderoso, a escavadeira permite que grandes profundidades sejam atingidas em minutos, tudo isso graças à sua hidráulica. É usada em vários tipos de serviços e projetos de terraplenagem.

Mini carregadeira

Usadas em obras menores e específicas, ela é perfeita para movimentar materiais diversos, nivelar o solo e fazer a desagregação de terra. Por ser um equipamento bastante compacto, é uma boa opção para ser usada em espaços reduzidos.

Minicarregadeira JCB
Minicarregadeira JCB

Mini escavadeira

Assim como a mini carregadeira, essa máquina também é compacta e indicada para canteiros de obra reduzidos e terrenos acidentados. Sua função é retirar o entulho e tornar a obra mais rápida.

mini escavadeiras jcb
mini escavadeiras jcb

Motoniveladora

Também conhecida como niveladora de estrada, ou então, simplesmente como “patrol”, essa máquina é indicada para fazer a preparação e nivelamento do solo, criando superfícies planas. Além disso, também pode criar superfícies inclinadas ou transversais.

Rolo compactador

Equipamento bastante usado na terraplenagem, é de fácil operação e também pode ser utilizado em compactação de solo, cascalho, concreto, asfalto e na manutenção de estradas e fundações.

Sua principal função é compactar a superfície e o solo como um todo. Com isso, o rolo compactador consegue igualar locais de construção em estradas, pistas de aeroportos, edifícios etc.

Rolo Compactador: quais os tipos e suas funções 

Retroescavadeira

Usada para movimentar materiais diversos, nivelar o solo e fazer a terraplanagem, a retroescavadeira conta com braço e lança de longo alcance, possibilitando uma melhor performance nas escavações profundas. Sua indicação é para escavações de grande porte, abertura de valas, carregamento de caminhões em terrenos secos e firmes e nivelamentos.

Retroescavadeira ou miniescavadeira: a melhor para a sua obra

Trator de esteira

Ideal para nivelar e preparar os solos, os tratores de esteira são usados em operações de terraplenagem, conservação e abertura de estradas, empilhamento, trabalhos de desbravamento, limpeza final, agricultura e mineração.

Empilhadeira

A principal função da empilhadeira é movimentar materiais carregando-os e descarregando-os em paletts. É um equipamento considerado indispensável para organizar ambientes e fundamental no canteiro de obras.

Bulldozer

Também conhecido como trator de esteiras, é um equipamento 02com uma lâmina de aço reta ou curva, situada na parte dianteira do trator e perpendicular ao eixo da máquina. Essa lâmina permite que um melhor descolamento de materiais e a limpeza das áreas. Ele também é essencial para grandes obras pois é utilizado em conjunto com os Scrapers.

trator esteiras Komatsu D85EX
trator esteiras Komatsu D85EX

Scraper

É uma das máquinas de terraplenagem usada para extração de terra em camadas. Sua principal vantagem é sua versatilidade, que permite que operações de carga, transporte e descarga possam ser realizadas todas por uma única máquina com ajuda de um trator de esteiras normalmente.

Pás carregadeiras

Usada para nivelar terrenos e fazer a remoção de solo quando o mesmo se encontra em excesso em determinados locais do projeto. Além disso, ela também é usada para carregar outros materiais no canteiro de obras. O solo deve estar seco e firme para que a máquina consiga trafegar tranquilamente.

Conheça a maior escavadeira do mundo

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça seu comentário
Por favor entre com seu nome aqui